Rolezinho – um comentário

“Minha mãe me deu ao mundo de maneira singular me dizendo uma sentença:
pra eu sempre pedir licença, mas nunca deixar de entrar.”
Caetano Veloso (via abestados)

Aconteceu ali, na pracinha do feice: durante uma conversa sobre o Rolezinho alguém disse que duvidava “que eles estejam fazendo isso motivados por alguma consciência social”. Pois eu creio que não e esta suposta falta de “consciência social” só torna o rolezinho ainda mais legítimo, a meu ver. Os caras não estão indo ao shopping para protestar, estão indo porque podem – ou deveriam poder.  Foram os shoppings que transformaram isso numa questão social. O capital politizou o movimento. E, ato contínuo, o criminalizou.

(E eu nem vou comentar que já me pediram muita coisa no shopping – cpf, contracheque pra fazer prestação – mas consciência social, nunca).

tumblr_lrj98idU2q1qlqwsqo1_1280

kburkeyphotography:
“These boys found some sunglasses and never looked back. For the two days I spent at the Orphanage, the glasses never left their face. I am convinced they slept with them on. I guess we can all agree that they look as cool as they were thinking they looked. Niamey, Niger 2011″

Helê

About these ads

3 Respostas

  1. “(E eu nem vou comentar que já me pediram muita coisa no shopping – cpf, contracheque pra fazer prestação – mas consciência social, nunca).”
    falou e disse, Helê
    vc arrebenta!! bjs
    Ana

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 1.443 outros seguidores

%d bloggers like this: