Terça-feira, Novembro 13, 2007

Eu tenho pesadelos recorrentes com dentes. Perco todos os dentes, ou um dente é esfarelado na minha boca, ou quebro vários dentes, ou eles ficam moles e não caem. Variações sobre o mesmo tema. (Psicanalistas de botequim, apresentem suas interpretações.)
Aí que hoje fui à endodontista começar o tratamento de canal e ela me diz que provavelmente não tem inflamação no nervo e que o que deve estar provocando a dor chata que me incomoda há meses é uma rachadura em cruz no molar 16. Isso mesmo que você entendeu: rachadura em cruz, no sentido longitudinal e no transversal. Bonito, não?
Diante disso, ela optou por não abrir o canal, para não correr o risco de quebrar o dente “em mil pedacinhos” – palavras dela. E me encaminhou de volta para a minha dentista, com um diagnóstico por escrito que termina assim: “o prognóstico para o elemento [o dente em questão] é desfavorável.”

No momento, o gosto ruim na minha boca não é apenas resultado da anestesia.

-Monix-

%d bloggers like this: