Segunda-feira, Janeiro 07, 2008

O que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil? E o contrário, também? Será que se o Tio Sam rejeitar as urnas eletrônicas nós finalmente passaremos a questionar o atual sistema de votação? A conferir.

-Monix-

Já escrevi sobre tema, aqui.

3:37 PM

Janeiro 07, 2008

O melhor post sobre resoluções de ano novo de todos os tempos da última semana:

Esse negócio de fazer resoluções de Ano-Novo é procurar sarna para se coçar e frustração para se analisar.
Resolvi fazer não-resoluções:
– Não vou fazer exercícios regularmente. Uma caminhada de leve nos fins de semana e olhe lá.
– Anna Karenina vai ter que esperar, tenho outras prioridades de leitura.
– Não vou me obrigar a ler mais ou ir mais ao cinema. O ritmo atual de um livro e um filme por semana me satisfaz.
– Não vou mais fazer chapinha, nem escova progressiva, nem nada. A cabeleira que fique como quiser.
– Não vou fazer plástica na barriga. As estrias e flacidez que a maternidade me trouxe são como as cicatrizes de guerra dos heróis: lembranças das quais me orgulho.
– Não vou trabalhar mais do que já trabalho. Nem menos.
– Não vou tentar melhorar meu relacionamento com quem quer que seja. Eu me dou bem com quem eu gosto e não me dou bem com quem não gosto e é assim que deve ser.

Mandou bem, a Meg.

-Monix-

Um ano novo mesmo

Janeiro 07, 2008

Esperando a volta de leitoras e leitores na primeira segunda-feira do ano…

… e desejando que 2008 traga em dobro tudo DE BOM que 2007 extraviou.
(o negrito é pra não haver dúvida ou malentendidos com os deuses, certo?)

Helê

%d bloggers like this: