Nunca antes na história desse país

A frase já virou uma espécie de bordão do Lula. Lá no selviço virou foi piada mesmo, a gente sempre usa pra falar de qualquer novidade. Agora, eu realmente não me lembro, na vasta e recente história de tragédias nacionais, de ver um ministro de Estado pedir perdão aos familiares das vítimas, dentro da comunidade delas. E olha que foram muitas as oportunidades: chacina da Candelária, a de Vigário Geral, o massacre no Carandiru, os meninos de Acari, Eldorado dos Carajás. Evidentemente isso não exime o Estado de todos os outros deveres e obrigações, e como o Gabeira lembrou com absoluta correção n’O Globo de hoje, “Em qualquer lugar do mundo, o comandante do Exército teria pedido demissão após uma tragédia dessas“. Mas que foi um gesto raro, corajoso e digno, ah isso foi.

Jornal Extra, 18/06/08

Anúncios

2 Respostas

  1. sinceramente, discordo. é o mínimo, é proposital, pra gente pensar exatamente isso: nossa, que legal.
    beijos mis.

    Ô Marina, que bom vc por aqui; que bom a discordância, mesmo.
    Acho é o mínimo, mas um mínimo que raramente é feito.
    Beijo grande, saudade.
    Helê

    Gostar

  2. Foi mesmo.

    Isso não traz ninguém de volta, mas é um começo.

    E que já devia ter pedido demissão, isso ninguém contesta…

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: