Saúde!

O título podia ser de uma seleção de músicas sobre bebida, não; contentem-se com o óbvio: três canções sobre os cuidados com a saúde.

A primeira delas, lentinha, presta-se bem a um início de caminhada ou corrida: a voz macia de Joyce fala de um tal monsieur que ensinou a não fumar, beber só pelo paladar e fazer muito amor.  Feita no período paleolítico, ou seja, início dos anos 80, tem uma aparência bem natureba radical, na onda “comer de tudo que for bem natural”.

Pouco tempo depois veio a Rita cheia de energia e graça entoando o hino da saúde, pregando uma dose moderada de egoísmo: “só sei que agora eu vou é cuidar mais de mim”.  E se a despeito disso a gente morrer do coração, paciência: amamos demais.

Fecho a série com Arnaldo Antunes, cantado pelo mui saudável Frejat. Num ritmo mais rock ‘n roll,  Antunes parece ter encontrado um meio termo, sem se acabar por qualquer sensação, mas tão pouco acordando cedo toda manhã, que ninguém merece.

Saúde pra todos nós. Tim tim.

No Dufas Dial, of claro.

Helê

Advertisement

Uma resposta

  1. ahahaha! A ilustração tá perfeita! afemaria!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: