Bafana Brasil

  • Dunga X Globo?  Contra o monopólio sempre, mas a favor da grosseria e do destempero… Sei não, pra mim é o caso típico de ter que escolher o lado bom de uma briga podre. Não me apetece.
  • Gamei no jogador da Costa do Marfim, ou melhor, no nome dele: Yaya Touré. Parece assim um cantor de pagodê. Coisa mais fófis.

  • O mimimi contra as vuvuzelas me irritou mais que as próprias, na boa.
  • Olha, com o crilouro eu já me acostumei há tempos, graças ao Ivo Meireles. Mas japa louro eu ainda acho muito esquisito, cara.
  • Vamocombiná que patolada é mais antigo que o futebol. O que me surpreendeu na imagem foi maleta do Messi –  quem diria, hein? E eu que não dava nada pelo menino!

  • Alguém me diz por favor porque o Grobonline criou uma coluna com o inacreditável nome de ‘grama na calcinha’? Por que falou em mulher automaticamente falou em calcinha, sutiã, corpo, sexo? Canseira, viu? Coisa mais atrasada isso, sô.
  • Destaque da primeira fase da Copa: times africanos e suas camisas justíssimas. Delícias, nham, nham!
A seleção de Gana de branco, e jogadores de diferentes países africanos com o uniforme continental feito pelo patrocinador.

Jogadores de diferentes países africanos com o uniforme continental feito pelo patrocinador, e abaixo, a seleção de Gana.

  • Eu que, como se sabe, adooogo uma bobagi, tô me divertindo com  o Barbeiarobinho e rolei de rir com a musa da baixaria Katylene. A resenha que ela fez da Cuópa tá imperdível.
  • Agora são os gajos, ó pá. Será que a gente almoça vacalhau com binho, Sócia 😉 ?!

Helê

Anúncios
%d bloggers like this: