Monstro de olhos verdes

Sobre toda estrada, sobre toda sala

Paira, monstruosa, a sombra do ciúme

Caetano Veloso

Muitas vezes ouvi de amigas: “mas como você consegue não sentir ciúmes?” E explico: mas quem disse que não sinto ciúmes? Sou humana, ora pois. Só que aprendi (aliás, estou aprendendo, certas tarefas nunca são encerradas) a compreender o ciúme como um problema meu, e não do casal. Perceber desta forma muda tudo. Eu preciso lidar com o sentimento, e não nós.

Qual é a diferença, direis? Acontece que quando a pessoa A sente ciúmes da pessoa B por causa da pessoa C, o relacionamento entre A e B traz para dentro de si C. E isso não é algo muito inteligente a se fazer. Mesmo que não sinta nada por C, o estrago já está feito. A e B irão jantar fora, num lugar bacana, e a sombra de C estará sentada à mesa junto com eles. Viajarão e levarão C na bagagem. E por aí vai.

Claro que esta é uma racionalização e ninguém controla os próprios sentimentos – aliás, ninguém em sã consciência defenderia isso: faz mal, dá azia, dor de cabeça e até câncer. Mas podemos, sim, tentar lidar com nossos sentimentos em vez de nos tornarmos escravos deles. Esse negócio de “minha vida é um livro aberto”, “amor, no que você está pensando agora?” só atrapalha a vida afetiva das pessoas. Um pouco de sombra não faz mal a ninguém.

Tive a felicidade de me relacionar com quem também não acredita no ciúme como demonstração de amor. Sei que em muitos relacionamentos esse jogo é essencial para provar a importância que se dá ao outro. Comigo não funcionaria, detesto me sentir cobrada ou injustiçada. Quero confiar e ser digna de confiança, respeitar e ter meus sentimentos respeitados, como todo mundo. Mas tenho um caráter meio independente, não quero abrir mão de ir a lugares que minha cara-metade não curte, ou, pior, ter que ir a lugares que não quero só pela obrigação de acompanhá-lo. Como diria Edgard Scandurra, eu sou eu e você é você. E isso é o que mais me agrada.

-Monix-

Anúncios

11 Respostas

  1. Perfeito! Concordo, concordo e concordo. Sentir ciúmes, OK, brigar por ciúmes não dá!

    Gostar

  2. Pessoas que acham que sentir ciúme é prova de amor, vivem uma prisão, não uma relação. Ok, tem quem só viveu prisões e ache que isso é o normal. Não funciona pra mim tb. Não sinto ciúmes e sinto mais de amigues do que de namorados.

    Adorei, seu cálculo Monix! Não tem que demonstrar ciúme, se ele chegar, de um chega pra lá nele. E adorei isso de trazer a pessoa C pra relação. Não tinha pensado nessa perspectiva e vc está certíssima!

    Sobre as sombras e mistérios, bem, acho que cada relação é uma relação. já vivi relações que elas existiam e estou ha 10 anos (uau! 10 anooss!) numa que somos super sinceros. Mas até q vem funfando legal.

    Gostar

  3. Hahahaha, Hele! Eu ia tentar dizer algo digno, mas depois dessa, recolho-me. Eu também tenho ciúmes dos amigos, somos duas.
    Mas só um pouquinho. 🙂

    Gostar

  4. Pois eu descobri que tenho ciúmes dos meus amigos; pronto, falei.

    Gostar

  5. Tina, já ia mesmo linkar esse seu post. Monix, admiro profundamente quem aprende a lidar com o ciúme. É o que eu sempre digo, sentir, ninguém controla. O que você faz com o sentimento, sim. Acho muito evoluído essa coisa de colocar em perspectiva e ver como um problema de quem sente e não de quem é alvo. 🙂

    Gostar

    • Tina, eu não acho que passe por falta de confiança não, acho que é só uma coisa que a gente sente, muitas vezes sem explicação…mas, enfim, achei legal porque não tinha lido ainda esse seu post e não é um assunto sobre o qual as pessoas escrevam muito, né? beijos

      Gostar

  6. Monix , concordo plenamente com você .
    Acho o ciúme uma doença que deveria ser tratada em consultório.
    beijos,

    Gostar

  7. Putz! bom demais… beijos,

    Gostar

Deixe uma Resposta para Leticia Cianconi Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: