Falta pouco

Falta pouco, gente. Já, já agosto acaba. E então, como na canção, “o sol há de brilhar mais uma vez, o amor há de chegar aos corações”*.

Não, eu não tenho o que reclamar do mês que ora termina. Esse ano, para mim, agosto caiu em julho, e o mês tido como o do desgosto tornou-se memorável, sobretudo pelos reencontros que Minas me proporcionou.

Mas não foi assim para todo mundo, e acho que pensar, torcer e acreditar que as coisas vão melhorar, tudo isso ajuda sempre, há poder nessas ações. Sim, trata-se apenas de virar a folhinha, mas o que seria de nós sem esses rituais que, afinal, servem para isso: organizar a vida, aquietar o coração e renovar a nossa fé. Porque a gente tem que colocar a esperança onde quer que ela nos ilumine.

Em setembro ela há de luzir.

Ou seguiremos tentando.

(Call of the Raven by Rob A. Johnston)


Helê

*Juízo final, de Nelson Cavaquinho. Aqui, na bela gravação de Zizi Possi.

7 Respostas

  1. Aqui está uma virginiana de agosto, pra quem o mês não é de desgosto nem de cachorro louco …rsrsrs. E que sempre viu setembro como mês de recomeço, estreia de nova idade , brotos nas árvores dos arredores, sementinha de verão prometendo coisas … sempre boas, claro!
    Beijos!

    Parabéns atrasado, Claudia, boas semente e boas colheitas!
    bj,
    Helê

    Gostar

  2. há de ser, e será… pra nós todos…

    Amém nós tudim, como diz a Fal 🙂
    H.

    Gostar

  3. Quero ter olhos pra ver, a maldade desaparecer…

    O sol….há de brilhar mais uma vez

    Oremos, Claudim!
    Beijoca, saudade.
    Helê

    Gostar

  4. Setembro é sempre um mês mais simpático que agosto, chega a primavera, é seu aniversário, os dias são mais bonitos e as temperaturas mais agradáveis. Sem contar que é o mês que antecede outubro que, por excelência e meu querer, é o melhor mês do ano. hahaha Assim, celebro sempre o mês de setembro como um mês alvissareiro. 🙂

    Adoro gente desinteressada feito eu?!
    Hahahahahahahahahahaha!
    Beijo e até daqui a pouco.
    H.

    Gostar

  5. A maior parte dos leoninos é de agosto.Para estes, e para uma minoria de virgens, agosto é a vida. Só.

    No mais, a lembrança de Nelson Cavaquinho e o texto límpido, são um conforto.

    Como confortantes e estimulantes são os encontros inesperados com amigos em dias úties, que então tornam-se indispensáveis.
    Beijo Rick 😉
    Helê

    Gostar

  6. Amém rsrs

    Agosto sempre foi desgostoso, mas esse foi o mês mais gostoso do ano pra mim, nada de contra gosto, vamos virar a folhinha né.

    Beijos

    Que bom, Noh, pra mim também.
    boa sorte para nós.
    beijo,
    H

    Gostar

  7. Que lindo, comadre. Agosto pra mim foi de muito gosto porque tive sua companhia. Mas, eu também gosto de pensar : quando entrar setembro e a boa-nova andar nos campos…

    Pois é, desse não posso reclamar marrénunca!
    Beijoca com saudade,
    Helê

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: