A Grande Ficha

Resultado de imagem para a grande ficha de laerte

Bem, parece que aos poucos a Grande Ficha vai caindo, exceto para nosso irresponsável Pesadelo Eleito.

***

É chegada a hora de ficar em casa e esperar. Paciência, algo que desaprendemos a ter, é o que a humanidade mais precisará nos próximos meses.

***

Este é um evento de uma magnitude que a gente ainda nem consegue dimensionar. Não é como o pós-11 de setembro. Não é como a queda do Muro de Berlim. Talvez se compare à invasão da Polônia pelo exército nazista. A conferir.

***

Teorias da conspiração: não passem adiante, por mais engraçadas que sejam. Há todo tipo de maluco, as pessoas acreditam em piadas.

***

Mas se fosse para acreditar em alguma conspiração, acho que seria a natureza finalmente se cansando da espécie humana e mandando um recado, digamos, mais enfático.

***

É hora de ver nossos privilégios como eles realmente são. Ver o valor de pequenas coisas, como ter a benção de passar a quarentena com pessoas que você ama, ou juntos, em casa, ou se aproveitando dos recursos que a tecnologia nos permite usar. Imaginem na época da gripe espanhola, ficar confinada bordando.

***

Desde semana passada não consigo parar de pensar em como sairemos dessa crise global. Nesses momentos, o melhor e o pior da humanidade se apresentam. Prefiro focar no melhor. Iniciativas de apoio, coletivos, ajuda material, arte espontânea, tenho visto muita coisa bonita. Profissionais de várias categorias pensando em formas de ajudar — psicólogos fazendo atendimentos virtuais, nutricionistas compartilhando receitas, jornalistas ajudando a identificar o que é fato e o que é boato, isso sem falar no médicos e todos os profissionais de saúde, e em uma turma meio invisível que é fundamental: os técnicos que mantêm os servidores de internet no ar, os funcionários das companhias de água e energia, etc.

Penso muito nas categorias de trabalhadores não especializados, que serão essenciais para todos nós — por exemplo, funcionários de supermercados, entregadores, cozinheiras de restaurantes. Merecem aplausos na janela, também.

***

Eu continuo trabalhando normalmente, e acumulando tarefas domésticas, então não tenho muitas dicas sobre o que fazer na quarentena. Sugiro que visitem as categorias do blogue sobre livros, filmes e afins e se distraiam com os posts antigos para se inspirar.

Ah, e enquanto nossa sanidade mental permitir, continuaremos mandando a newsletter toda quarta, tentando reciclar posts sobre belezuras e assuntos um pouco mais leves, para ajudar a enfrentar o que vem por aí.

***

Cuidem-se. Lavem as mãos. Fiquem em casa.

-Monix-

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: