Thriller*

Sei não, vai ver tô ficando velha (alta probabilidade). Mas tenho a impressão que faz tempo que talento, qualidade e  vendagem não se encontram na cena musical. E a última vez aconteceu há exatos 26 anos. A encruzilhada desses três fatores gerou o disco mais vendido da história da indústria fonográfica mundial, produzindo algo que consegue atrair atenção até mesmo dessa geração digital. Refiro-me, claro, ao Thriller de Michael Jackson. Quando chegou lé em casa uma edição especial comemorativa, com o cd e um dvd dos clipes, a casa parou. Eu, a empregada e minha filha ficamos curtindo as canções, as danças, rindo do que hoje soa tosco, admirando o que ainda brilha e encanta. Mesmo tampando os olhos quando Michael vira lobisomem a pequena sempre pede pra rever os clipes, e acho que entendeu a minha primeira explicação, quando o vídeo estava sendo exibido numa loja e eu parei pra ver: “Era o meu High School, filha”.

É, acho que depois disso nada que vendeu tanto foi tão bom, e nada tão bom fez tanto sucesso. Ou não –  corrijam-me, se puderem.

Helê

*Post guardado na seção de rascunhos desde outubro do ano passado, editado pela última vez em 16 de maio e finalmente publicado hoje, ainda sob a incrédula reação à notícia da morte de Michael, que me foi dada por Toni Platão. Mas isso fica pra outro post.

Anúncios

15 Respostas

  1. Minha mãe ficou triste,
    ela era/é muito fã da casa.

    A sim,eu tb assisti o filme do ratinho e a música Ben.
    ahahahaha
    véia,eu?

    imagina.

    Gostar

  2. Inacreditável, mas em 1984 eu ensinava para minhas coleguinhas no intervalo do recreio o passinho Moon Walk… Bota High School musical nisso, mas pelo menos a qualidade das músicas era a melhor de todas. Olha eu achei chato ver o ídolo de adolescência definhando… Parece que os nossos sonhos vão se desmilinguindo…

    É, Gisele, é aquele desencanto que o Cazuza cantou, meus heróis morreram etc. (ele inclusive).
    Quanto à história da qualidade, era sobre isso que eu queria chamar a atenção no post, do que o Thriller, ao contrário da maioria das produções de hoje, era comercialíssimo e de altíssima qualidade.
    Obrigada pelo comentário, volte sempre!
    Beijo,
    Helê

    Gostar

  3. nhé, fiquei bem triste, Helê!
    Meu pai tá arrasado, desde que eu era criança ele sempre, sempre, sempre se referiu ao Michael Jackson como “meu nêgo lindo”…
    beijos e saudades de vc

    Gostar

  4. eu amava ben… só descobri que era o michael jackson quem cantava depois de adulta…. eu já era lesada na adolescência… rs…
    olha aí que fofo:

    Gostar

  5. Fui o primeiro…já sei hahahahahah.

    Gostar

  6. Já que todos querem saber dessa história de Toni Platão, eu tb quero.
    Conta,conta, conta!!!!

    Gostar

  7. Helê! Disse tudo, garota.
    Nosso High school, hehehe
    Tu acredita que eu também tinha um post com um vídeo dele nos rasculhos hás dois meses…

    Quem conheceu o trabalho dele, e não apenas a imensa onda de polêmicas que veio depois, sente a perda.

    Bjão e bom findi.

    Gostar

  8. É Helê, parece que o Michael não poderia morrer de velhice, como tantos outros ídolos que já foram embora.

    Também quero saber dessa história com o TRICOLOR Toni Platão, qual é?

    Forte abraço.

    Gostar

  9. Muito triste, parece que coisas tristes quando acontecem tem que vir aos montes.
    Ainda não realizei o fim trágico desse que embalou muitas e muitas noites dançantes, mas que foi sumindo aos poucos, se transformando em arremedo de gente. E como é conhecido hoje pelos tablóides e jornais americanos. “O louco.”
    Final triste para mais um astro Pop americano, que parecem ter um gostoso especial pelas tragédias pessoias.
    O louco se foi, mas o gênio vai viver sempre, acho que agora mais gênial ainda.

    Ps. Que história é essa de Toni Platão? rs.

    Gostar

  10. Quem nunca tentou dançar aqueles passos do Thriller?
    Um ícone pra minha geração e pra outras tb.
    Com certeza Helena, esse foi meu High School!!!
    Bjs.

    Gostar

  11. Toni Platão? Comassim?

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: